Daniel Sousa: “Vai ser emocionante para mim”

O Futebol Clube de Arouca disputa, às 15h30 (3 e meia da tarde) do próximo sábado, dia 18, o seu último encontro da presente temporada frente ao Vitória de Guimarães. Independentemente do resultado, nenhuma das duas equipas irá sair da posição onde se encontra: os vitorianos terminam o campeonato em quinto lugar, pelo que irão disputar a Conference League. Já os arouquenses ficaram no sétimo lugar.

Sendo este não só o último encontro da época, mas também o último de Daniel Sousa ao comando do FC Arouca, a conferência de imprensa pré-jogo ficou marcada por estas duas temáticas interligadas entre si. Veja aqui os principais tópicos que foram abordados:

Com o resultado a não alterar nada nas contas da tabela, haverá mudanças no onze, dando tempo de jogo a atletas menos usados?: “É um facto que já não há objetivos a cumprir, pusemos esse objetivo (sexto lugar, posição de acesso à Taça da Liga) difícil com os empates consecutivos com o Gil e o Rio Ave. Obviamente que, não havendo objetivos, é preciso ter algum cuidado extra na forma como se entra no jogo, porque temos de o levar de uma forma séria. (Rotações) É muito provável que sim, com o objetivo de manter a equipa o mais forte possível.

Balanço do trabalho efetuado pela equipa técnica: “Em jeito de balanço, nós estamos extremamente felizes. Foi um percurso muito interessante para nós, desfrutamos, os jogadores desfrutaram e queremos terminar a época nesse registo, desfrutar do jogo e do que tem sido a época. Os jogadores merecem isso. (Último jogo) Vai ser emocionante para mim.”

Sente alguma mágoa por não ter conseguido agarrar o sexto lugar?: “Não, frustração nenhuma. Nós redefinimos os objetivos também para não haver nenhum relaxamento. Não nos podemos esquecer, ainda que o objetivo estivesse próximo, estamos a falar de uma equipa (Moreirense) que também estava a competir pela mesma posição e que tem sido bastante regular e competente no campeonato todo. A realidade é que, à décima segunda jornada, estávamos em último e acabamos em sétimo. É fantástico da parte dos jogadores aquilo que eles fizeram em campo.”

Elogios ao grupo de jogadores, à estrutura e à vila: “Desfrutei imenso! Do grupo, dos treinos, dos jogos. Quando não se ganha, não se desfruta tanto, mas mesmo assim deu-me prazer, durante a semana, a forma empenhada e intensa como eles sempre estiveram nos treinos. Não imaginava o sétimo lugar. Gostei imenso da passagem por cá, pela vila, pelas pessoas que trabalham cá, o Flávio, o André, o Tiago, o Brandão, o Cerqueira, o Simão, o Vítor, o Diogo, o Paulo, que são a malta que está aqui diariamente. São poucos, mas bons. Isso é a base deste clube e do grande sucesso nestes tempos. É assim que entendo, porque trabalhei com eles diariamente e sei aquilo que eles dão ao clube e aos jogadores e normalmente não se vêm. Adorei a vila de Arouca, acho que é uma vila muito interessante, espetacular. Gostei mesmo de estar cá.”

Pedro Moreira e Quaresma são ausências confirmadas para a partida que, relembramos, será jogada no Estádio Municipal de Arouca às 15h30 (3 e meia da tarde) do próximo sábado, dia 18. O encontro terá uma homenagem, organizada pelos adeptos, que têm apelado nas redes sociais para que, ao minuto 19, se faça um minuto de aplausos de agradecimento a Rafa Mujica.

Foto: Sofia Brandão

Texto: Simão Duarte

sobre o autor
Simão Duarte
Discurso Direto
Partilhe este artigo
Relacionados
Newsletter

Fique Sempre Informado!

Subscreva a nossa newsletter e receba notificações de novas publicações.

O envio da nossa newsletter é semanal.
Garantimos que nunca enviaremos publicidade ou spam para o seu e-mail.
Pode desinscrever-se a qualquer momento através do link de desinscrição na parte inferior de cada e-mail.

Veja também