Assinados Protocolos de Colaboração que visam a promoção da Saúde Mental em Vale de Cambra

A cerimónia decorreu no Edifício Municipal de Vale de Cambra

Foram assinados no dia 9 de abril os protocolos de colaboração entre o Município de Vale de Cambra, a Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Vale de Cambra e quatro instituições (Casa de Saúde de Santa Catarina – CSSC, Escola Superior de Saúde Norte da Cruz Vermelha Portuguesa – ESSNorteCVP, Associação Empresarial de Cambra e Arouca – AECA e a Unidade Local de Saúde Entre Douro e Vouga – ULSEDV).

A cerimónia de assinatura contou com a presença do Presidente da Câmara Municipal, José  Pinheiro, da Vereadora, Mónica Seixas, do Presidente da Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Vale de Cambra, José Carlos Roque e dos representantes das instituições  subscritoras dos protocolos: Miguel Soares, em representação da Casa de Saúde de Santa  Catarina, Henrique Pereira, a representar a Escola Superior de Saúde Norte da Cruz Vermelha  Portuguesa, Abel Oliveira, por parte da Associação Empresarial de Cambra e Arouca e Paulo  Diz, em representação da Unidade Local de Saúde Entre Douro e Vouga.

Estas parcerias pretendem promover a cooperação técnica, científica e humana entre as instituições, com o objetivo de aumentar a sinalização e o acompanhamento da população com patologias associadas à saúde mental, bem como promover a (re)integração social profissional, no âmbito do projeto “Valoriza-te”, integrado no Plano de Ação das Comunidades Desfavorecidas de Vale de Cambra. Este projeto pretende dar respostas que promovam a autonomia, a estabilidade emocional e a integração social, familiar e profissional da população sinalizada em termos de saúde mental e, por este motivo, afastada da vida social e do mercado

de trabalho.

José Pinheiro, Presidente da Câmara Municipal de Vale de Cambra, destacou a importância desta parceria por estar ligada à problemática da saúde mental, que “deve ser uma preocupação de todos”, disse. O autarca destacou ainda, a enorme valia e transversalidade do projeto, que envolve a saúde, o ensino e várias outras instituições. Realçou, por fim o “profissionalismo e paixão” notório por parte da equipa do projeto “Valoriza-te”.

Para Mónica Seixas, Vereadora da Câmara Municipal de Vale de Cambra, o sucesso do projeto

“depende muito do esforço e dedicação da equipa e também dos parceiros”, que pretendem focar-se na área da saúde mental, a vertente mais explorada neste financiamento. José Carlos Roque, Presidente da Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação de Vale de Cambra, frisou que o trabalho em equipa existe desde o início do projeto, onde foram criadas sinergias.

Este projeto é financiado pelo Programa de Recuperação e Resiliência (PRR) – https://recuperarportugal.gov.pt .

Fique a par de todas a novidades acerca do Plano de Ação das Comunidades Desfavorecidas de

Vale de Cambra através das redes sociais do projeto: www.facebook.com/pacdvlc  e

www.instagram.com/pacdvlc/ .

sobre o autor
Ana Isabel Castro
Discurso Direto
Partilhe este artigo
Relacionados
Newsletter

Fique Sempre Informado!

Subscreva a nossa newsletter e receba notificações de novas publicações.

O envio da nossa newsletter é semanal.
Garantimos que nunca enviaremos publicidade ou spam para o seu e-mail.
Pode desinscrever-se a qualquer momento através do link de desinscrição na parte inferior de cada e-mail.

Veja também