Concluído edifício de apoio ao centro de meios aéreos em Vale de Cambra

A Câmara Municipal de Vale de Cambra deu por concluída a obra de construção do edifício de apoio aos meios aéreos. O projeto, que alojará a UEPS – Unidade de Emergência de Proteção e Socorro, em Lordelo, composta por 25 militares da GNR, ascendeu aos 456.328,14 €, tendo como valor total elegível 322.285,06 €, ao qual corresponde um apoio financeiro da União Europeia de 241.713,70 €.

Tendo como base a ampliação do edifício de apoio já existente, a obra privilegiou a proximidade entre equipamentos visando a concentração dos meios e homens disponíveis potenciando a celeridade do serviço prestado, tão premente no contexto de incêndio que tem avassalado o país e a região nos últimos anos.

Nas palavras do Presidente da Câmara Municipal, José Pinheiro “esta intenção da construção do edifício de apoio junto ao quartel operacional dos Bombeiros Voluntários de Vale de Cambra, permite ter uma equipa de proximidade que permitirá atuar logo no início de um incêndio avançando com maior celeridade, otimizando assim, a operacionalidade e a rentabilização de tempo na prestação dos meios de socorro à população e bens do concelho”.

“Esta obra reveste-se de particular importância para Vale de Cambra mas também para os concelhos limítrofes”, refere José Pinheiro, destacando ainda que “a implementação desta nova valência auxiliará na resposta que daremos à grande mancha florestal do território”.

O edifício, que se desenvolve num único piso, terá a capacidade de alojamento dos militares, bem como para uma série de compartimentos de apoio.

sobre o autor
Alberto Pinho Gonçalves
Discurso Direto
Partilhe este artigo
Relacionados
Newsletter

Fique Sempre Informado!

Subscreva a nossa newsletter e receba notificações de novas publicações.

O envio da nossa newsletter é semanal.
Garantimos que nunca enviaremos publicidade ou spam para o seu e-mail.
Pode desinscrever-se a qualquer momento através do link de desinscrição na parte inferior de cada e-mail.

Veja também