Águas do Norte continua os investimentos no Município de Arouca

A Águas do Norte têm em curso uma empreitada de construção e de reabilitação de redes de saneamento e de abastecimento de água, no município de Arouca, na sequência da adjudicação da mesma à empresa Construções Carlos Pinho, Ld.ª. O investimento, no valor de cerca de 2,8 milhões de euros, tem o prazo de execução de 455 dias.

Esta empreitada tem como objetivo a construção da rede de saneamento de águas residuais, assim como a reabilitação da rede de abastecimento de água, nas freguesias de Santa Eulália, de Chave e na União de Freguesias de Arouca-Burgo, no concelho de Arouca, e inclui, igualmente, as respetivas instalações elétricas e eletromecânicas, telecomunicações e telegestão.

Tendo em consideração os trabalhos a realizar, que compreendem a execução de redes de saneamento numa extensão total de cerca 12 km, duas estações elevatórias de águas residuais, 386 ramais domiciliários e ainda de 7 km de redes de abastecimento de água, a Águas do Norte vem alertar a população residente nas Freguesias afetadas da possibilidade de existirem alguns constrangimentos no trânsito nas respetivas vias de comunicação, nomeadamente nas localidades de Valdasna e de  Figueiredo (rua da Marelha, rua Alqueve e EM 511).

Nas freguesias referidas, a Águas do Norte, enquanto Entidade Gestora do Sistema de Águas da Região do Noroeste, procedeu já à execução de cerca 4.7 km de rede de abastecimento de água, que incluíram a instalação de 110 ramais domiciliários em Santa Eulália e de 47 dos 105 ramais previstos para Lourosa Campos.

No saneamento de águas residuais, na Freguesia de Santa Eulália encontra-se executada uma extensão de rede de 2,4 km, com a instalação de 65 ramais. Por sua vez, nas localidades de Lourosa Campos e de Valdasna, está instalada cerca de 50% da rede de saneamento, numa extensão total prevista de cerca de 7,8 km, assim como 88 ramais domiciliários, dos 196 que serão executados para a totalidade da rede.

Relativamente à freguesia de Chave, está prevista a execução de cerca de 1.9km de coletor e 123 ramais domiciliários, cujos trabalhos deverão ser iniciados a curto prazo, tendo em vista a respetiva conclusão até ao final do presente ano.

O apoio comunitário aprovado é 2,1 milhões de euros para a execução das infraestruturas de saneamento de águas residuais e teve por base as prioridades definidas pelo Município de Arouca, bem como as condições de elegibilidade definidas.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015 e, enquanto entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal, é responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais e de efluentes provenientes de fossas séticas.

Foto: Município de Arouca

sobre o autor
Ana Isabel Castro
Discurso Direto
Partilhe este artigo
Relacionados
Newsletter

Fique Sempre Informado!

Subscreva a nossa newsletter e receba notificações de novas publicações.

O envio da nossa newsletter é semanal.
Garantimos que nunca enviaremos publicidade ou spam para o seu e-mail.
Pode desinscrever-se a qualquer momento através do link de desinscrição na parte inferior de cada e-mail.

Veja também