Centro Social e Cultural de Fermedo, Escariz e Mato lança concurso para construção de ERPI

IPSS tem o ok do Governo para avançar com projeto estrutural que, com um investimento de 2,5 milhões, vai edificar Estrutura Residencial para Idosos dotada de 40 camas.

O Centro Social (CS) e Cultural de Fermedo, Escariz e Mato vai lançar, a curto prazo, em plataforma governamental, o concurso público para a construção da sua ERPI – Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, que, a edificar em terreno há muito pertença da instituição, será dotada de 40 camas.

Em recente assembleia-geral (AG) do CS, Fernanda Oliveira a tesoureira, sublinhou que este é «o grande projeto para os próximos quatro anos».

O concurso será lançado com o preço-base de 2.550.000 euros e a dirigente enfatizou que o Governo dará «uma majoração de 10 por cento», em termos de apoio a edificações, às instituições «que consigam fazer a consignação da obra até junho» do corrente ano.

Na atualidade, o CS de Fermedo, Escariz e Mato conta com três valências: Centro de Dia, com 24 utentes, Creche com 66 crianças e Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), que apoia 40 pessoas. 

A recente reunião-magna serviu para apresentar aos associados as Contas de 2022, cujo exercício registou um resultado positivo. Foi dada ênfase às obras de reabilitação do edifício Sede da IPSS (Instituição Particular de Solidariedade Social), que tiveram um custo de 120 mil euros.

O mandato dos atuais órgãos sociais está a terminar, estando agendadas eleições para as 18 horas de 5 de maio. As listas têm de dar entrada nos serviços administrativos do Centro Social até ao final do dia 27 deste mês.

Perspetiva-se uma lista de continuidade, que contará com um ou outro novo elemento, mas, na assembleia, Fernanda Oliveira vincou que uma eventual nova lista que vencesse o sufrágio teria todo o apoio do atual elenco diretivo, nomeadamente, no labor que será necessário para edificar a ERPI.

Os sócios reunidos em AG também tomaram conhecimento das atividades desenvolvidas no ano transato pelas valências Centro de Dia e Creche. A participação de datas e épocas marcantes povoaram, como sempre, o calendário do CS, com valores como a intergeracionalidade a serem promovidos.

Tendo como receitas, as mensalidades de utentes, as comparticipações da Segurança Social, o apoio da Câmara Municipal de Arouca e das Juntas de Freguesia de Fermedo, de Escariz e de São Miguel do Mato, a instituição – frisou a presidente da direção, Elsa Martins – mantém apelo ao envolvimento das populações das três comunidades do ocidente concelhio.

sobre o autor
Ana Isabel Castro
Discurso Direto
Partilhe este artigo
Relacionados
Newsletter

Fique Sempre Informado!

Subscreva a nossa newsletter e receba notificações de novas publicações.

O envio da nossa newsletter é semanal.
Garantimos que nunca enviaremos publicidade ou spam para o seu e-mail.
Pode desinscrever-se a qualquer momento através do link de desinscrição na parte inferior de cada e-mail.

Veja também